quarta-feira, 7 de abril de 2010

Um "Rio de Contos" no vale do Minho


É já na próxima semana que o “Rio de Contos” chega ao Vale do Minho. Sessões de conto garantidas por Thomas Bakk e Miguel Horta em bares e cafés de Vila Nova de Cerveira e Paredes de Coura. Um dia em que a Biblioteca Municipal estará fora de portas (com livros e não só...) numa actividade dedicada aos jovens minhotos. Miguel Horta usa um registo mais ligado ao conto juvenil a par de algumas histórias da costa Algarvia; Thomas Bakk, “O senhor dos cordéis” tem um registo muito original de oralidade oriunda da tradição do “cordel”. Como ele próprio diz do seu trabalho: “Conto histórias inéditas e tradicionais, da chamada Literatura de Cordel, denominação genérica em Portugal e no Brasil que se refere às narrativas populares, publicadas em brochuras e expostas em cordas, que tiveram origem na Península Ibérica e chegaram ao Brasil por volta do Século XV com os colonizadores portugueses. Este género de literatura, conservada e transmitida pela tradição oral, originou grande parte dos contos tradicionais e uma parcela significativa de alguns dos mais célebres contos clássicos, tendo, praticamente desaparecido em Portugal e em toda a Europa.”
13 de Abril – Myrobar – sessões às 17h e 21.30h – Vila Nova de Cerveira
14 de Abril – Bar da EPRAMI – 15h e no “Café com broa” às 21.30h – Paredes de Coura



3 comentários:

  1. Lá estarei!
    Vamos a isso!

    ResponderEliminar
  2. Foi uma noite bem divertida!Logo a seguir ao jogo do Benfica: Contos!

    ResponderEliminar